Notícias

Saudável desde o café da manhã

shutterstock 3806035211


Café da manhã de rei, almoço de príncipe e jantar de mendigo. Esta é a máxima que muitas pessoas seguem e que espelha a importância da primeira refeição do dia, que deve ser variada, nutritiva e equilibrada.


Embora muitas vezes o café da manhã seja desvalorizado, a verdade é que a primeira refeição que o corpo recebe é aquela que irá ditar o nível de saciedade ao longo do dia, o que é um forte indício da probabilidade da pessoa cair em exageros ou pecados alimentares desnecessários.


À revista Prevention, a nutricionista clínica Laura Manning diz que não há nada melhor para comer assim que se acorda do que “uma taça com aveia integral, nozes e mirtilos”. Os grãos integrais, as frutas, os frutos secos e os lacticínios são os elementos-chave de um café da manhã saudável, mas é preciso destacar que existem muitos vilões nesta refeição matinal. E, segundo a especialista, a lista de alimentos a excluir é simples, apesar de longa.


Os sucos industrializados são um dos primeiros alimentos a banir do café da manhã, uma vez que possuem altos níveis de açúcar adicionados. Este alimento deve ser trocado por um suco ou batido feito em casa e na hora, ou por uma taça com iogurte grego e frutas.


Comum no café da manhã norte-americano, mas também consumido em outras regiões do globo como o Brasil, a carne processada (como o presunto, a mortadela, o bacon, etc.) deve ser evitada ao máximo, não só pelo alerta emitido pela Organização Mundial da Saúde (OMS), mas por toda a gordura, sal e açúcar que possui embutida.


Diz a nutricionista que as barras de cereais podem ser uma boa alternativa para os mais apressados, mas apenas se forem feitas em casa e sem adição de açúcar refinado. As barras de cereais industrializadas nunca devem ser uma opção por causa da quantidade de açúcar que possuem, que não só é nociva para a saúde como faz com que a sensação de fome apareça mais cedo do que o devido.

 


Como seria de esperar, também os cereais e sucrilhos não devem ser incluídos no café da manhã, especialmente se tiverem açúcar adicionado, bem como corantes.


Seja pela manhã ou durante o dia, as bebidas energéticas são também um alimento que deve ser banido da alimentação, mesmo para quem tem o costume de treinar. “Estas bebidas estão cheias de açúcar e cafeína”, alerta Laura Manning.


Vistos como uma opção saudável para muitos, mas frequentemente excluídos por parte dos nutricionistas, os iogurtes light com sabor (morango, pêssego, framboesa) são outro alimento a riscar da próxima lista de compras e de todos os cafés da manhã feitos a partir de hoje. Eles apenas são válidos quando a quantidade de açúcar é mínima (não mais do que cinco ou seis gramas por unidade) e quando a matéria gorda existente se aproxima dos 0%. De qualquer modo, os corantes estão quase sempre presentes.


Qualquer alimentos que seja feito com farinha refinada (seja pães, bolos ou bolachas), frappuccinos (ou combinações de café com leite e chantilly) esanduíches pré-confeccionados são outros exemplos de alimentos que jamais devem ser consumidos no café da manhã.

Fonte: Notícias ao Minuto

 

                             

                             

                             Contato

                             Política de Privacidade

                             Mapa do Site

                             Login Diretório

                             Credenciamento

          

            

 

                              

  

Newsletter

Eu aceito receber comunicações da promotora e de parceiros.
Sim, li e concordo com a política de privacidade