Notícias

Previous Next

60% Dos Internautas Afirmam Ter Pão Como Alimento Primordial Nas Refeições

Seja no café da manhã, no lanche da tarde ou no jantar, o pão, em suas mais diversas formas, é um alimento presente nas refeições de muitos brasileiros. No Dia Mundial do Pão, comemorado hoje (16), uma enquete realizada no Facebook do Jornal O Regional mostra que pelo menos 56% dos internautas afirmam ter o alimento, fonte de carboidrato, como primordial em pelo menos uma das refeições do dia.

“Sempre que acordo preciso do pão para abastecer as energias e ir trabalhar. Sem ele meu café da manhã não fica completo”, conta Rita Gomes.

“Gosto dos pães no café da manhã e, sempre que tenho fome, ele é minha opção de janta”, disse Renata Silva.

“Meu preferido é o pão de forma, mas aos finais de semana não consigo resistir e sempre vou a alguma lanchonete”, alega José Aparecido.

Uma pesquisa da Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados (ABIMAPI) mostra as preferências e os perfis dos consumidores de pão. De acordo com o levantamento, São Paulo é o estado líder no consumo de pães industrializados.

“Do volume nacional de vendas registrado em 2017 (433,9 mil toneladas), a região corresponde a 36,7% do consumo – cerca de 159 mil toneladas –, com destaque para os pães fatiados (também conhecidos como pães de forma), que representaram 72,3% do share, 115 mil toneladas”, consta a pesquisa.

Dentre os tipos industrializados consumidos no interior do estado, o estudo aponta que o consumo representa 16,2% do volume nacional. O número pode parecer pequeno, mas totaliza 70,2 mil toneladas. Deste total, 72% do consumo (51,17 mil toneladas) foi de pão de forma; 17,3% de bisnaguinhas (12,16 mil toneladas); 1,8% do tipo hot dog (1,26 mil toneladas); e 1,2% para hambúrgueres (843,5 toneladas).

Segundo a Kantar WorldPanel, responsável pelo levantamento, em relação aos pães de forma, foram os lights que mais atraíram novos compradores, com crescimento de 15,4% na comparação entre 2016 e 2017, atingindo 7,67 mil toneladas. Igualmente como na Grande São Paulo, no interior os preferidos foram os tradicionais (pão branco), com 51,2% (26,2 mil toneladas).

Com relação ao quadro de consumo, o presidente-executivo da ABIMAPI, Claudio Zanão, explicou que os pães industrializados representam uma opção prática, nutritiva e diversificada para a vida agitada das pessoas. “Ao lado do tradicional pão branco, produtos integrais, light, com ingredientes especiais, como linhaça, aveia, centeio e frutas secas, e a combinação de vários grãos já ocupam espaços importantes nas gôndolas dos supermercados”, disse.

FONTE: O Regional

ubm white

  Conectando pessoas e o mercado global

 

UBM: uma das maiores empresas do mundo em mídia de negócios

Nos mais de 30 países onde realiza seus eventos, a UBM constrói relacionamentos duradouros com especialistas e players do mercado e gera oportunidades que alavancam e fomentam o desenvolvimento da indústria local em âmbito global. Ler Mais

 

Filiada à     

 ubrafe branco

                             

                             UBM Brazil

                             Contato

                             Política de Privacidade

                             Mapa do Site

                             Login Diretório

                             Credenciamento

          

            

 

                              

  

Newsletter

Eu aceito receber comunicações da promotora e de parceiros.
Sim, li e concordo com a política de privacidade